Perfil da publicação
Tiragem 30.000 exemplares
Tamanho 220 páginas
Conteúdo Os parceiros comerciais, produtos e empresas de destaque no comércio do Brasil
Periodicidade Anual
Circulação Setembro
Distribuição CEOs, diretores, acadêmicos, políticos e 5.000 exemplares no exterior
Formato 202 x 266 mm

Análise Brasil Global

A Análise Brasil Global é o mais completo guia da atuação comercial brasileira e traz, em sua oitava edição, uma reportagem especial com a opinião de economistas, acadêmicos e empresários sobre as principais inovações brasileiras para a economia global, além de destacar as sete empresas nacionais que passaram a ocupar posições de liderança no mundo. As novas fábricas no país, as aquisições de empresas estrangeiras em território nacional e a balança comercial dos serviços são apresentadas.

A publicação foi criada para entender o cenário do comércio exterior na sexta maior economia do planeta fazendo a análise detalhada a respeito dos principais produtos exportados pelo país, das empresas mais ativas no comércio internacional, dos maiores parceiros comerciais e dos estados brasileiros que mais exportam.

A edição conta, também, com uma análise detalhada sobre o avanço nas relações brasileiras com os países do continente africano. Em dez anos, as vendas de produtos brasileiros para a África avançaram 417%, para 12 bilhões de dólares, a segunda maior alta entre os continentes (ficando atrás apenas dos asiáticos). O Egito, a África do Sul e Argélia são os principais clientes brasileiros, enquanto o Brasil comprou mais produtos da Guiné Equatorial, Moçambique e Egito.
 
Entre outros destaques, além das tradicionais tabelas e rankings que caracterizam o anuário, e uma nova infografia para apresentar os dados de comércio exterior de maneira mais interessante, a edição de 2013 renova a análise especial sobre os modais logísticos no país, apontando o que está sendo feito e o que ainda precisa melhorar em benefício do comércio exterior brasileiro.
 
Nascida como Análise Comércio Exterior e Negócios Internacionais, cuja primeira edição foi lançada pela Análise Editorial em 2005, a publicação surgiu em um momento em que o Brasil mostrava sinais de que o objetivo de se tornar um player importante no mercado global era mais do que uma promessa. Naquele ano, o país atingiu, pela primeira vez, a marca de 100 bilhões de dólares exportados, e 11 companhias sediadas no país ultrapassaram a marca de 1 bilhão de dólares vendidos ao exterior.

Em 2011, o anuário passou a ser chamado Análise Brasil Global para refletir uma mudança importante que marcou o amadurecimento da economia brasileira. Desde então, o país parece ter finalmente entrado na rota dos grandes negócios internacionais, as agências de rating elevaram o Brasil ao grau de investimento e até as produções de Hollywood parecem ter descoberto o país. Em 2005, era possível conceber que a análise do sobe e desce da balança comercial brasileira podia explicar a atuação do país no mercado internacional. Hoje o panorama é bem diferente e mais complexo. O Brasil de hoje é a sexta maior economia do mundo, segundo dados do primeiro semestre de 2012, e previsões indicam que pode chegar à quinta posição até o fim de 2013. Em cinco anos, o Brasil duplicou suas vendas de produtos e mais de 40 empresas exportaram acima de 1 bilhão de dólares.
 
Por essas razões, o nome da publicação mudou. O Brasil Global é um país que tem marcas no exterior e patentes internacionais, seus executivos participam da administração de conglomerados que atuam em dezenas de nações, possui uma estratégia de atuação diplomática internacional estruturada, e troca serviços e tecnologia com o mundo. Mostrar esse novo Brasil é o desafio de Análise Brasil Global. Para realizar essa tarefa a equipe da Análise Editorial consulta e consolida dados de dezenas de fontes, entre as principais o Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC), o Banco Central do Brasil (BC), a Organização Mundial de Comércio (OMC) e a Organização das Nações Unidas (ONU). Além disso, ouve especialistas dentro e fora do país para apurar perspectivas atuais e diversas a respeito do papel que o Brasil ocupa no crescente mercado mundial.
 
Por tratar-se de um conteúdo de interesse internacional, a publicação é editada em versão bilíngue (português e inglês), e a distribuição dos exemplares é feita dentro e fora do Brasil.
 
Para saber mais sobre as nossas publicações, clique aqui. Se quiser consultar as edições especiais e customizadas da Análise Editorial, clique aqui.
 
Para adquirir exemplares na nossa loja, clique aqui.

Edições Online

Clique nas capas para ler a revista online.